Barotrauma: o que é, sintomas e tratamento


O barotrauma é uma situação em que há a sensação de ouvido tampado, dor de cabeça ou tonturas devido à diferença de pressão entre o canal auditivo e o ambiente externo, sendo essa situação comum de acontecer em ambientes de altitudes elevadas ou durante uma viagem de avião, por exemplo.

Apesar do barotrauma do ouvido ser mais comum, essa situação pode acontecer em outras áreas do corpo que contêm gás, como pulmões e trato gastrointestinal, por exemplo, sendo causado também pela diferença de pressão entre os compartimentos internos e externos.

Normalmente o barotrauma é tratado com o uso de medicamentos analgésicos com o objetivo de aliviar a dor, mas em casos mais graves o otorrinolaringologista ou clínico geral pode indicar a realização de um procedimento cirúrgico para solucionar a situação.

O que é o barotrauma e como tratar

Principais sintomas

Os sintomas do barotrauma variam de acordo com o local afetado, sendo os principais:

  • Tonturas;
  • Náuseas e vômitos;
  • Sensação de ouvido tampado;
  • Dor no ouvido e zumbido;
  • Perda da audição;
  • Dor de cabeça;
  • Dificuldade para respirar;
  • Perda de consciência;
  • Sangramentos pelo nariz;
  • Dor no tórax;
  • Rouquidão.

O barotrauma pode acontecer como consequência de diversas situações que possam levar à diferença brusca de pressão, como por exemplo prender a respiração, mergulhar, viajar de avião, lugares com altitudes elevadas e doenças respiratórias, como por exemplo a Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, em que na maioria das vezes é necessária a realização de ventilação mecânica.

A identificação do barotrauma é feita pelo médico de acordo com os sintomas apresentados pelo paciente e resultado de testes de imagem, como radiografia e tomografia computadorizada, por exemplo.

O que é o barotrauma pulmonar?

O barotrauma pulmonar acontece acontece devido à diferença de pressão de gases dentro e fora do pulmão, sendo principalmente devido à realização de ventilação mecânica em pessoas que possuem doenças respiratórias crônicas, mas também pode acontecer após cirurgias e pessoas que possuem asma, por exemplo.

Os principais sintomas relacionados ao barotrauma pulmonar são dificuldade para respirar, dor no tórax e sensação de peito cheio, por exemplo. Caso o barotrauma não seja identificado e tratado, pode haver ruptura dos alvéolos, por exemplo, que pode interferir na qualidade de vida da pessoa.

Como é feito o tratamento

O tratamento para o barotrauma é feito de acordo com os sintomas, sendo normalmente indicado o uso de medicamentos descongestionantes e analgésicos para diminuir os sintomas. Além disso, dependendo do caso, pode ser necessária a administração de oxigênio no caso de sintomas respiratórios.

Em alguns casos, o médico pode recomendar o uso de medicamentos corticoides orais ou a realização de procedimento cirúrgico para corrigir o problema.

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site