Câncer de pulmão: fatores de risco e sintomas

0
96


Os sintomas do câncer de pulmão são inespecíficos e comuns a outras doenças respiratórias, como enfisema pulmonar, bronquite e pneumonia. Assim, o câncer de pulmão é caracterizado por:

  • Tosse seca e persistente;
  • Dificuldade em respirar;
  • Falta de ar;
  • Diminuição do apetite;
  • Perda de peso;
  • Rouquidão;
  • Dor nas costas;
  • Dor no tórax;
  • Sangue no catarro;
  • Cansaço extremo.

Na fase inicial do câncer de pulmão geralmente não há sintomas, eles só aparecem quando a doença já está no estágio avançado. Pelo fato dos sintomas serem pouco específicos, a pessoa geralmente não vai ao médico se só estiver tossindo, por exemplo, tornando o diagnóstico tardio.

O câncer de pulmão é uma doença evitável, pois está principalmente relacionado ao estilo de vida do indivíduo. Quanto maior o consumo de tabaco, maior será a chance de desenvolver esse tipo de câncer e menor será a qualidade de vida.

Boa parte dos sintomas podem nem mesmo ser relacionado ao câncer de fato, mas ser resultado de alguma outra doença que a pessoa pode possuir. Em alguns casos, o câncer de pulmão pode não apresentar sintomas, no entanto, pacientes fumantes com mais de 40 anos, ou que sofram de doença pulmonar obstrutiva crônica, e que apresentam estes sintomas devem ir numa consulta com o médico pneumologista.

Sintomas de câncer de pulmão

Sintomas nos estágios mais avançados

Normalmente, os primeiros sintomas do câncer de pulmão já surgem nos estágios mais avançados. Os sintomas mais comuns nessa fase da doença são catarro com sangue, dificuldade em engolir, rouquidão e infecção pulmonar. Além disso, podem haver manifestações e complicações do câncer de pulmão, como o tumor de Pancoast e a metástase, que apresentam sintomas mais específicos da doença.

Tumor de Pancoast

O tumor de Pancoast, tipo de câncer de pulmão localizado na parte superior do pulmão direito ou esquerdo, possui sintomas mais específicos, como diminuição do tamanho da pupila dos olhos, dor no braço e ombro, redução da força muscular e aumento da temperatura da pele na região do tórax, ausência de suor e queda da pálpebra.

Metástase

A metástase acontece quando as cálulas cancerígenas são transportadas para outros locais do corpo por meio da corrente sanguínea ou dos vasos linfáticos. A metástase pode acontecer em poucos meses e, dependendo do local de ocorrência, pode causar diferentes sintomas. 

Na metástase pulmonar pode haver dor no tórax não relacionada com a respiração ou derrame pleural. Na metástase cerebral pode haver a dor de cabeça, náuseas, vômitos e, até, déficits neurológicos. No caso da metástase óssea, pode ocorrer dor nos ossos e fraturas recorrentes. Quando existe metástase hepática é comum o aumento do tamanho do fígado, ligeira perda de peso e dor no lado superior direito da barriga.

Quem tem mais risco de ter câncer de pulmão

O tabagismo é o principal fator de risco para o surgimento do câncer de pulmão, estando relacionado a mais de 90% dos casos. Alguns outros fatores também podem influenciar no processo de desenvolvimento dessa doença, como poluição do ar, infecções respiratórias de recorrência, doença pulmonar obstrutiva crônica e fatores genéticos. Saiba quais são as principais causas do câncer de pulmão.

O tratamento com cirurgia, quimioterapia ou radioterapia pode ser utilizado para curar o câncer de pulmão, ou ajudar a melhorar a qualidade de vida do paciente.

SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here