Condromalácia Patelar – Como identificar e tratar


A condromalacia, também chamada de condropatia patelar, é um desgaste da articulação do joelho que geralmente tem cura e manifesta-se através de sintomas como dor profunda no joelho e à volta da rótula ao realizar determinados movimentos, cujo tratamento é feito com a toma de anti-inflamatórios, exercícios, fisioterapia e em alguns casos, cirurgia.

A condromalacia patelar é causada especialmente pelo enfraquecimento do músculo quadríceps, localizado na parte da frente da coxa e pelo formato do joelho do indivíduo ou pelo posicionamento do seu pé. Estas condições quando associadas ao excesso de peso e ao esforço repetitivo são as maiores causadores da doença.

Dor na frente do Joelho pode ser Condromalacia

Principais sintomas

Os principais sintomas da condromalacia patelar são:

  • Dor no joelho ao subir e descer escadas, correr ou levantar-se da cadeira, por exemplo;
  • Dor em volta da rótula do joelho especialmente ao dobrar a perna;
  • Ardência ou dor no joelho ao ficar com a perna dobrada por algum tempo;
  • Sensação de crepitação (ter areia dentro do joelho) ou estalos no joelho;
  • Joelho um pouco mais inchado.

Pode haver suspeita desta alteração quando a pessoa pratica atividade física, especialmente a corrida. No entanto, esta alteração também pode surgir em pessoas que não praticam atividade física, sendo nesses casos mais comum em mulheres. Conheça as principais causas de dor no joelho.

Como é feito o tratamento

O tratamento para condromalacia patelar pode ser feito com fisioterapia, com o objetivo de melhorar o posicionamento da rótula e a função do joelho, além de medicamentos anti-inflamatórios e analgésicos para controlar a inflamação e a dor, que devem ser indicados pelo médico e usados conforme a orientação.

Durante o tratamento, é importante evitar usar sapatos com salto alto, não cruzar as pernas quando sentado, manter boa postura, evitar subir rampas ou fazer exercícios em locais íngremes, além de ser recomendado emagrecer, caso essa seja uma das causas da condromalacia, para diminuir o peso sobre o joelho. É importante também usar sapatos que apoiem bem os pés, evitando impacto desnecessário nos joelhos.

No caso das pessoas diagnosticadas com condromalacia patelar grau 3 ou 4, o tratamento é feito por meio da artroscopia, que é um pequeno procedimento cirúrgico realizado para observar as estruturas no interior da articulação. Entenda o que é a artroscopia e como é a recuperação após a cirurgia.

Fisioterapia para condromalacia

A fisioterapia para condromalacia patelar pode incluir o uso de aparelhos como laser, ultrassom e microcorrentes, alongamento especialmente dos músculos da parte de trás da coxa e fortalecimento dos músculos da perna, especialmente dos músculos da parte da frente da coxa.

O fisioterapeuta deverá realizar uma avaliação da postura do indivíduo e do posicionamento do quadril, joelhos e pés, pois quando alguma destas estruturas estão mal posicionadas o risco de cronicidade desta alteração é maior. Bons tratamentos fisioterapêuticos para condromalacia são a hidroterapia e a RPG: reeducação postural global. Veja os exercícios de fisioterapia realizados no tratamento da condromalacia.

Condromalacia patelar tem cura?

A condromalacia patelar tem cura quando a pessoa faz o tratamento de forma correta, sendo possível alcançar a cura em algumas semanas. Para alcançar a cura, é importante desinflamar a região, recuperar a integridade da articulação, fortalecer e alongar os músculos da perna e adequar o posicionamento da rótula e dos pés.

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site