Dor ao evacuar: 5 possíveis causas e o que fazer

0
66


A dor ao evacuar geralmente está relacionada com alterações na região anal, como hemorroidas ou fissuras, mas também pode acontecer por variações nas fezes, especialmente quando são muito duras e ressecadas.

Assim, se este tipo de dor surgir em uma pessoa com prisão de ventre, normalmente acontece porque as fezes estão muito duras e por isso podem provocar lesões ao passar no ânus. Porém, se existir suspeita de uma alteração no ânus, é importante ir a um clínico geral ou a um proctologista, para identificar o diagnóstico e iniciar o tratamento correto.

O que pode ser dor ao evacuar

1. Hemorroidas

As hemorroidas são uma das principais causas de dor ao evacuar e, normalmente, além da dor, também provocam sangramento podendo surgir sangue no papel higiênico ou mesmo no vaso. A hemorroida é semelhante a uma variz, pois é uma veia dilatada que surge no ânus, especialmente em quem tem prisão de ventre, já que podem surgir pelo aumento da pressão ao tentar evacuar.

Na maioria das vezes, as hemorroidas não causam nenhum outro sintoma, mas existem casos em que a pessoa pode ainda sentir coceira na região anal e desconforto durante o dia. No caso de a hemorroida aparecer na região externa do ânus, pode ainda ser possível sentir um ligeiro inchaço na região.

  • O que fazer: o ideal é consultar um proctologista para confirmar a presença da hemorroida e iniciar o tratamento adequado, que normalmente é feito com pomadas como Proctosan ou Proctyl, por exemplo. Veja outros exemplos de pomadas para estes casos.

2. Prisão de ventre

No caso de pessoas com prisão de ventre, a dor ao evacuar é muito frequente, não só porque precisam fazer mais força, mas porque as fezes são muito duras e podem acabar lesionando a região anal ao saírem, causando pequenas feridas. Por essa razão, também é comum o surgimento de pequenas manchas de sangue no papel higiênico, que aparecem pelo sangramento dessas feridas.

  • O que fazer: a melhor forma de combater a prisão de ventre é fazer uma alimentação rica em fibras, fazer exercício físico regular e beber, pelo menos, 2 litros de água por dia. Porém, quando estas medidas não resultam pode ser necessário fazer um laxante receitado por um médico, por exemplo, para amolecer as fezes e permitir sua passagem. Veja mais sobre como combater a prisão de ventre e evacuar sem dor.

3. Fissura anal

A fissura anal é uma pequena ferida que pode surgir na região anal, acontecendo quando há um trauma na região, como quando se limpa o ânus em excesso ou quando se tem fezes muito duras, que acabam provocando uma pequena ferida, por exemplo.

Embora a fissura possa causar sensação de ardência durante o dia, a dor geralmente é mais forte ao evacuar, devido à passagem das fezes. Por se tratar de uma ferida, existe um maior risco de infecção, o que pode acabar provocando inchaço da região e dor muito intensa durante todo o dia.

  • O que fazer: a fissura geralmente cicatriza naturalmente e, por isso, pode não ser necessário tratamento. No entanto, como tem maior risco de infeccionar, é aconselhado manter uma higiene íntima adequada. Por isso, sempre que possível, após evacuar é muito importante lavar a região com água abundante. Veja ainda como fazer um banho de assento para aliviar o desconforto.
O que pode ser dor ao evacuar

4. Abcesso anal

O abcesso anal consiste no acúmulo de pus debaixo da pele, junto da região do ânus. Este abcesso geralmente acontece devido à obstrução das glândulas que ficam em volta da região anal e, embora possa causar bastante desconforto e dor, é fácil de tratar com uma pequena cirurgia.

O abcesso é caracterizado por o desenvolvimento de um inchaço que vai aumentando ao longo do tempo e que pode se tornar vermelho e muito dolorido. De início, os sintomas podem ser muito ligeiros e intensificar ao evacuar, mas é comum que a dor vá piorando, afetando as tarefas do dia-a-dia, como sentar.

  • O que fazer: o único tratamento do abcesso consiste em fazer uma pequena cirurgia para drenar o pus que está no interior. Assim, se existir suspeita de abcesso é aconselhado consultar um proctologista para confirmar o diagnóstico e marcar a cirurgia. Entenda os sintomas que indicam abscesso anal e como é feito o tratamento.

5. Endometriose intestinal

Quando a dor ao evacuar surge durante a menstruação ou é muito intensa durante este período, pode ser um sinal de endometriose no intestino. A endometriose consiste no crescimento de tecido semelhante ao das paredes do útero, mas em outros locais do corpo. Normalmente, este tipo de tecido fica inflamado durante a menstruação por efeito dos hormônios e, por isso, se estiver no intestino, pode causar dor abdominal intensa durante a menstruação, que pode piorar ao evacuar.

Nestes casos, além da dor também pode surgir prisão de ventre, cólicas fortes e sangramento nas fezes, por exemplo. Confira outros sinais que podem indicar que a dor ao evacuar é endometriose.

  • O que fazer: a endometriose normalmente é tratada com o uso de uma pílula anticoncepcional, para regular os níveis de hormônios e diminuir a inflamação do tecido que está dentro do intestino. No entanto, nos casos mais graves, pode ser necessário fazer cirurgia para retirar o tecido. Saiba mais sobre a endometriose intestinal e como é tratada.

Quando ir ao médico

Na maior parte dos casos, a dor ao evacuar não é sinal de um problema grave, mas é sempre aconselhado consultar um proctologista para iniciar o tratamento mais adequado, especialmente se surgirem sintomas como:

  • Febre acima de 38º C;
  • Sangramento excessivo ao evacuar;
  • Dor muito intensa, que impede de sentar ou caminhar;
  • Vermelhidão ou inchaço excessivo da região.

Embora seja mais raro, alguns tipos de câncer, como o câncer do reto ou da próstata, também podem causar dor ao evacuar e, por isso, é sempre importante fazer uma consulta com um médico para despistar esses problemas mais graves.

SHARE

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here