Remédios laxantes para bebê – Tua Saúde


A prisão de ventre é um problema muito frequente em bebês, porque o seu sistema digestivo ainda não está bem desenvolvido. Muitas mães se queixam por seus bebês terem cólicas, fezes duras e ressecadas, desconforto intestinal e dificuldade para fazer cocô, o que é muitas vezes motivo para levar a criança ao médico.

A melhor opção nestes casos é ter uma alimentação adequada e rica em fibras, dar bastante água para o bebê e caso nenhum destes métodos seja suficiente para melhorar o problema, pode ser necessário dar remédios para o bebê, que devem sempre ser recomendados pelo médico.

Remédios laxantes para bebê

Existe uma grande variedade de laxantes disponível em farmácias, no entanto são poucos aqueles que podem ser usados com segurança em bebês:

1. Lactulose

A lactulose é um açúcar que não é absorvido pelo intestino, mas é metabolizado neste local, fazendo com que se acumule líquido no intestino, tornando as fezes mais moles e facilitando assim a sua eliminação. Exemplos de remédios que têm lactulose na sua composição são o Normalax ou o Pentalac, por exemplo.

Geralmente, a dose recomendada é de 5 mL de xarope por dia em bebês com menos de um ano de idade e 5 a 10 mL por dia, em crianças entre 1 e 5 anos. 

2. Supositórios de glicerina

Os supositórios de glicerina atuam aumentando a quantidade de água das fezes, tornando-as mais liquidas, o que estimula o movimento de contração dos intestinos e a evacuação. Além disso, este remédio também lubrifica e amolece as fezes, fazendo com que sejam mais fáceis de eliminar. Saiba mais sobre este medicamento, quem não deve usar e quais os efeitos colaterais mais comuns.

O supositório deve ser inserido suavemente no ânus, quando necessário, não se devendo exceder um supositório por dia.

3. Enemas

O enema Minilax, tem na sua composição sorbitol e laurilsulfato de sódio, que atuam auxiliando na normalização do ritmo intestinal e tornando as fezes mais moles e mais fáceis de eliminar.

Para aplicar o enema, basta cortar a ponta da cânula e aplicar via retal, inserindo-o suavemente e comprimindo a bisnaga para possibilitar a saída do líquido. 

Existem ainda laxantes que podem ser dados para crianças, como é o caso do leite de magnésia, óleo mineral ou macrogol, por exemplo, mas os fabricantes destes medicamentos apenas recomendam o seu uso para crianças com mais de 2 anos. No entanto, em alguns casos, o médico pode recomendar estes laxantes para crianças mais novas.

Conheça também remédios caseiros que podem ajudar a tratar a prisão de ventre no bebê.

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site