Sinais de aneurisma cerebral ou da aorta


Um aneurisma é a dilatação da parede de uma artéria que pode acabar rompendo e provocando uma hemorragia ou um AVC, de acordo com a sua localização. Os dois locais mais afetados são a artéria aorta, que leva o sangue arterial para fora do coração, e as artérias cerebrais. Em qualquer um dos casos, como cresce muito lentamente e não provoca qualquer alteração no corpo, o aneurisma raramente provoca algum tipo de sintoma. 

O aneurisma acontece com mais frequência em pessoas que possuem pressão alta, fumam ou têm histórico na família de aneurisma. O tratamento é feito de acordo com o tipo do aneurisma, tamanho e sintomas apresentados pela pessoa, podendo ser indicada a realização de cirurgia em alguns casos.

Como reconhecer os sintomas de aneurisma

Principais sintomas

Apesar de muitas vezes não causar sintomas, quando o aneurisma cresce muito ou desenvolve-se rapidamente, pode haver o aparecimento de sintomas que variam de acordo com o local do aneurisma. 

1. Aneurisma cerebral

O aneurisma cerebral é na maioria das vezes descoberto durante uma tomografia computadorizada, por exemplo. No entanto, quando o aneurisma cresce muito e rompe, surgem alguns sintomas, sendo os principais:

  • Dor de cabeça persistente e intensa;
  • Fraqueza e formigamento na cabeça;
  • Aumento da pupila em apenas 1 dos olhos;
  • Convulsões frequentes;
  • Visão dupla ou embaçada.

Além disso, algumas pessoas relatam a sensação de que a cabeça está quente e de que há um vazamento, por exemplo. Entenda mais sobre como identificar e tratar um aneurisma cerebral.

2. Aneurisma da aorta

Os sintomas de aneurisma na aorta variam de acordo com a porção da artéria afetada, sendo os principais:

  • Pulsação na região abdominal;
  • Dor constante no peito;
  • Tosse seca constante;
  • Cansaço e falta de ar;
  • Dificuldade para engolir.

Veja outros sinais de aneurisma da aorta e como fazer o tratamento.

Assim, se surgir mais do que um sintoma destes é aconselhado consultar um clínico geral para fazer exames de diagnóstico, como tomografia computadorizada ou ressonância magnética, e confirmar a presença do aneurisma.

O que fazer em caso de suspeita

Se surgir mais do que um dos sintomas é aconselhado consultar um neurologista, no caso de suspeita de aneurisma cerebral, ou um cardiologista, no caso de suspeita de aneurisma da aorta, para fazer exames de diagnóstico, como tomografia computadorizada, ultrassom ou ressonância magnética, por exemplo.

Quem tem maior risco de aneurisma

Ainda não é conhecida uma causa específica para o desenvolvimento de um aneurisma, porém, pessoas que fumam, têm pressão alta, sofrem de aterosclerose ou já tiveram uma infecção em uma artéria, possuem maior risco de ter o problema.

Além disso, ter histórico de aneurisma na família, sofrer um acidente grave ou pancada muito forte no corpo também pode aumentar as chances de ter um aneurisma. Veja quem tem mais chance de sobreviver a um aneurisma.

Como identificar os sinais de emergência

Além dos primeiros sintomas, o aneurisma pode causar alterações bruscas que normalmente estão relacionadas ao seu rompimento. Os sintomas de um aneurisma cerebral que rompe podem ser:

  • Dor de cabeça muito intensa;
  • Desmaio;
  • Vômitos e náuseas constantes;
  • Pescoço duro;
  • Dificuldade para caminhar ou tonturas repentinas;
  • Convulsões.

Estes sintomas constituem uma situação muito grave que coloca em risco a vida da pessoa e, por isso, é importante chamar imediatamente ajuda médica, ligando para o 192, ou levar a pessoa para o pronto-socorro.

Deixe uma resposta

Nome *
Email *
Site